PARTILHAR

SAIBA MAIS SOBRE


O blogue que faz da prevenção e da inspiração o seu dia a dia.

Objetivos financeiros: o que são e como defini-los?

Os objetivos financeiros são diferentes para cada um de nós. Para uns, é ter casa própria, para outros, é poder viajar pelo mundo, ou simplesmente ter dinheiro suficiente para não se sentir limitado nas suas escolhas do dia a dia. No entanto, quaisquer que sejam as suas aspirações, haverá considerações financeiras a ter em conta.  

Os seus valores e aspirações financeiras influenciam a sua relação com o dinheiro ou, por outras palavras, o seu mindset financeiro. Quer descobrir qual é a sua mentalidade financeira? Faça este teste interativo!

Um objetivo financeiro é como uma bússola que nos orienta, no sentido de transformar um sonho em realidade, qualquer que seja o sonho.


Quando se trata de gerir o dinheiro, definir objetivos financeiros pessoais é uma 
valiosa ferramenta de motivação, para criar e ajudar a manter hábitos financeiros saudáveis.   

É aqui que os objetivos financeiros podem ajudar, em quatro passos:

  • O que são objetivos financeiros?
  • Por que é importante definir objetivos financeiros?
  • Exemplos de objetivos financeiros de curto, médio e longo prazo
  • Vantagens de ter objetivos financeiros

 

O que são objetivos financeiros?


Os objetivos financeiros pessoais são metas específicas, quantificáveis e limitadas no tempo, para poupar, gastar, ganhar ou investir dinheiro, de modo a conseguir realizar os seus desejos. Quer se trate de pagar uma dívida, comprar um carro, iniciar um negócio ou reduzir despesas, um objetivo financeiro ajuda a concentrar os seus esforços para tomar as melhores decisões no dia a dia e alcançar o que pretende.

As suas metas financeiras podem ser de curto ou longo prazo e podem ser divididas em vários objetivos parciais, mais limitados e quantificáveis. Isso vai permitir-lhe acompanhar o progresso em direção à meta.

A par do objetivo financeiro, é importante criar um plano para o alcançar. Este deve incluir as ações a realizar, como por exemplo, abrir uma conta poupança ou utilizar uma app para controlar as despesas. 

 

Por que é importante definir objetivos financeiros? 


Estabelecer objetivos financeiros pessoais obriga a pensar, cuidadosamente, sobre o que pretende da vida, agora e no futuro, e sobre como (ou mesmo se) estas necessidades atuais e futuras podem coexistir.

A definição de objetivos ajuda a analisar as prioridades a curto e a longo prazo, a avaliar a sua situação financeira e a elaborar um plano de ação. Desta forma, os objetivos vão proporcionar-lhe um maior controlo sobre as suas finanças e incentivar a um comportamento mais consciente. Também podem diminuir o stress e a ansiedade relacionados com o dinheiro – algo que iremos explorar mais à frente neste artigo.


Resumindo: ter um objetivo pelo qual se esforçar pode revelar-se estimulante. Se for associado a uma aspiração mais elevada, como ter a entrada para comprar uma casa ou conseguir pagar umas férias de sonho, tanto melhor. Esses sonhos podem proporcionar a motivação de que precisa para fazer as alterações, ou os ajustes na sua vida, para os conseguir realizar.

Estabelecer objetivos parciais é, por isso, uma ferramenta poderosa para medir o seu progresso e manter a sua responsabilização. 

Produtos Financeiros Generali Tranquilidade

– Defina os seus objetivos

– Faça crescer as suas poupanças

– Viva um futuro mais próximo dos seus sonhos

 

Escolha uma das ofertas de investimento que preparámos para aumentar o património.

 
promo-produtos-financeiros

Exemplos de objetivos financeiros


Objetivos financeiros a curto e médio prazo


Estes objetivos estão, geralmente, relacionados com despesas a realizar no prazo de alguns meses. Por exemplo:

  • poupar para umas férias;
  • comprar um carro novo;
  • fazer reparações ou obras em casa;
  • pagar a festa do casamento;
  • criar um fundo de emergência;
  • liquidar a dívida do cartão de crédito. 


👉 Pode interessar-lhe:
 Conhece a regra 50/20/30 para gerir o seu orçamento mensal?


Objetivos financeiros a longo prazo


Estes objetivos tendem a ser mais ambiciosos e podem demorar vários anos ou mesmo décadas a atingir:

  • comprar uma casa;
  • criar um negócio;
  • poupar para a reforma;
  • pagar os estudos universitários dos seus filhos.

 

Se tiver o objetivo de poupar para complementar a reforma, saiba que o Tranquilidade PPR da Generali Tranquilidade dá-lhe a flexibilidade que procura: pode definir o plano de poupança adequado às suas necessidades, com entregas a partir de 25€/mês.

Quer começar já a proteger o seu futuro? Consulte este artigo sobre como preparar a sua reforma.  

 

Vantagens de ter objetivos financeiros


1. Transformam as ambições em objetivos realizáveis


Ao definirem uma meta financeira para a qual trabalhar e ao estabelecerem indicadores parciais que lhe permitem acompanhar o progresso, os objetivos financeiros ajudam a manter a dinâmica e a motivação.

O simples facto de conhecer a meta e saber por que é importante são incentivos para se manter persistente e evitar tomar decisões financeiras questionáveis. À medida que se aproximar da meta e perceber que os objetivos estão ao seu alcance, sentirá a sua determinação a crescer. 

 
👉 Pode interessar-lhe:  Comprou a primeira casa? Saiba como garantir a estabilidade financeira


2. Dão-lhe "autorização para gastar”


Já alguma vez gastou dinheiro com um sentimento de culpa, por não ter a certeza de se poder dar àquele luxo? Os objetivos financeiros clarificam os seus fluxos de dinheiro, permitindo-lhe saber não só quanto precisa de poupar, mas também quanto pode gastar. Isto significa que, quando se quiser mimar, irá sentir-se mais feliz e mais confortável ao fazê-lo. 


3. Melhoram o seu bem-estar mental


As finanças pessoais podem transformar-se numa fonte de stress e ansiedade e podem ter efeitos negativos sobre a sua saúde física e mental, a autoestima e relações pessoais. Ao permitirem uma análise das suas finanças e a elaboração de um plano realizável, os objetivos financeiros aumentam a sua sensação geral de controlo, propósito e sentido.

Se gosta de viver com tranquilidade e é por natureza uma pessoa mais cautelosa, então o Tranquilidade Investimento Protegido da Generali Tranquilidade pode ser o produto financeiro indicado para si. Não tem comissão de subscrição, o valor mínimo de investimento é de 1000€ e garante, pelo menos, 90% do capital investido. 


4. Facilitam a tomada de decisões


É muito mais fácil tomar decisões, quando sabe o que quer. Quer sejam decisões do dia a dia sobre compras de bens de consumo, ou decisões mais importantes sobre o seu percurso profissional – saber o que quer é fundamental para ajudar a tomar as decisões que o vão conduzir ao sucesso.  

Criar objetivos significa que irá ter sempre o mais importante em mente. Porém, é essencial encontrar um equilíbrio entre olhar para o futuro e desfrutar do presente. Ou seja, compreender até que ponto está disposto a ajustar o seu estilo de vida hoje, para alcançar o sucesso amanhã.

Procure ser flexível: se um objetivo se revelar demasiado difícil, ajuste o prazo ou os passos intermédios. Assim, terá tudo o que precisa para apreciar a viagem e não apenas o resultado final.  


5. Melhoram os seus relacionamentos


O dinheiro não compra felicidade e até pode ser fonte de tensão num relacionamento, especialmente, quando as pessoas vivem juntas e partilham as despesas, ou quando têm  mentalidades financeiras diferentes.

Compreender e alinhar os valores e objetivos financeiros é uma componente de um relacionamento saudável com um parceiro ou ente querido. Além disso, ajuda a promover a comunicação, a compreensão e a responsabilidade partilhada.  


E por que não estender esses propósitos ao mundo que nos rodeia? Sabia que com o Tranquilidade Investimento Verde da Generali Tranquilidade estará a investir em empresas com ações ambientais, governamentais e sociais responsáveis? Este é um produto financeiro que mantém o compromisso com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS), definidos pelo Governo Português.

SAIBA MAIS SOBRE


PARTILHAR

PRODUTOS FINANCEIROS

 

Escolha o seu caminho de poupança e de investimento

Saber Mais
Vida-Tranquila-Horizontal-Logo

CONHECE A REGRA 50/30/20 PARA GERIR O SEU ORÇAMENTO MENSAL?

Saber Mais
casal a gerir o seu orçamento mensal